3 Dicas para Escolher os Melhores Óculos [Série Acessórios 5]

Os óculos, tanto de dia-a-dia como óculos escuros, são um acessório que altera muito o teu estilo. Este é o quinto post da série sobre acessórios. Então aqui estão… 3 Dicas para Escolher os Melhores Óculos Os óculos escuros convém serem clássicos ou então tendência, para não ficares com um ar de Matrix ou alguma coisa do género. Usava-se na altura, agora já não tem nada a ver ;). Adapta o tamanho dos óculos ao tamanho do teu rosto: se tens um rosto fino usa óculos mais pequenos, um rosto largo aguentam bem óculos enormes. Experimenta para veres o que te fica mesmo bem. Experimenta, experimenta e experimenta mais uns. Não tenhas medo de experimentar até encontrares aqueles que adoras mesmo. Beijinhos, Lena* P.S. Gostavas de ter uma personal stylist para te fazer conjuntos maravilhosos com o que já tens no teu roupeiro, todos os dias? Para te dizer exactamente…

3 Dicas para Escolher os Melhores Cintos [Série Acessórios 4]

Neste post vou falar de como escolher os melhores cintos! Este é o quarto post da série de 7 posts sobre acessórios. Os cintos são um dos acessórios essenciais porque transformam facilmente conjuntos e peças. É uma maneira de mudares também o estilo de um conjunto. Um cinto statement pode ser a peça central do teu conjunto e transformar uma peça simples num conjunto espetacular. Então aqui estão… 3 Dicas para Escolher os Melhores Cintos Regra geral os cintos finos/médios são mais discretos e fáceis de usar. Os cintos largos chamam a atenção e são mais statement. A pele é um ótimo material para os cintos, porque dura bastante tempo e fica bem com tudo. Se queres uns mais chiques escolhe com aplicações de pedras por exemplo. Se não tens cintos, começa por comprar um fino ou médio, preto, camel ou toupeira. São básicos e podes fazer vários conjuntos diferentes…

Porque é Que Comprar Mais Roupa Não Adianta Nada

Hoje vinha-te falar de comprar roupa ou acessórios, e como isso não ajuda o teu estilo. E eu sei porque eu também comprava imensa roupa, primeiro porque adoro e depois porque queria gostar do meu aspeto. Queria gostar de me ver ao espelho. Agora se te disser que praticamente não comprei roupa nem acessórios nos últimos anos e me sinto cada vez mais feliz com a minha imagem no espelho, talvez não acredites. Mas é a verdade. O que percebi depois de aprender a ter o estilo que gosto, é que ter estilo não tem a ver com ter peças novas ou as últimas tendências. Ter estilo e gostares da tua imgem tem a ver com: saberes o que te fica bem saberes o que gostas saberes fazer conjuntos giros gostares de ti Agora quando vou às lojas não compro quase nada, porque só compro as peças que adoro, que…