Hoje queria-te falar das minhas dúvidas

Uma das coisas que continuo a ter.

Assim que as coisas não correm como eu estava à espera, começo a duvidar. Assim que aparecem dificuldades, começo a duvidar…

Afinal, não devia ser tudo fácil e correr como planeado? Não é isso a vida ideal? Não é isso o que eu mereço e aquilo a que tenho direito? ;)

E se não, porque não? Porque é que parece tão fácil para os outros e para mim não é assim tão fácil? De certeza porque estou a fazer alguma coisa mal, estou no caminho errado ou nem sequer sei o que estou a fazer!

Acho que já todos tivemos aquelas alturas em que tudo está a fluir. Como quando tive os meus filhos. As coisas aconteceram e estava tudo bem. Vieram exatamente como eu queria: um rapaz, uma rapariga, outro rapaz. Tudo estava a evoluir normalmente, como eu esperava. 

Mas a verdade é que estava a ignorar alguns problemas que já se estavam a manifestar nessa altura. Provavelmente deitei-os para o lado, porque não combinavam com a minha ideia da minha vida ideal naquela altura. Por isso escolhi ignorá-los.

Por isso acho que as coisas não fluem todo o tempo. Há bloqueios. Acontecem cenas. E isso não é um sinal que está tudo errado. É só sinal de um bloqueio interior. Alguma coisa dentro de nós que precisa da nossa atenção. Por isso temos que olhar para dentro em vez de culpar as nossas decisões, estratégias ou a maneira como pensámos.

Temos que olhar para dentro porque o que vemos cá fora é o que criámos dentro de nós.

Para mim não é fácil pôr isto na minha vida. Eu sei que é assim, mas não é fácil mudar os meus pensamentos. Tenho um hábito de pensar no pior, de esperar o pior, em vez de pensar no melhor e esperar o melhor. E isto pode arrastar-se durante dias. O que claro, não ajuda o meu negócio, a minha vida ou o que quer que seja…

Agora estou a trabalhar com muita força em mudar este hábito. De pensar pensamentos pessimistas. De sentir que sou uma vítima de circunstancias fora do meu controlo. De deixar o meu ego tirar todo o meu poder.

Acho que também é sentir muito. Talvez sinta demais…. Sentes o mesmo às vezes?

Ou és uma daquelas raparigas que normalmente estão felizes e tudo está a correr bem para ti?

Eu estou a trabalhar para ser essa rapariga. Essa é a minha visão. E quero mesmo chegar lá.

Mas há dias em que parece impossível. Durante um dia inteiro ou mais, ou durante algumas horas. E depois posso voltar a ser ela.

E tudo é maravilhoso. E a vida é cheia de possibilidades. E sei que tudo pode acontecer.

Acho que o desafio é ser capaz de ser esta rapariga todos os dias, porque todas a temos dentro de nós. Ela esteve sempre lá.

O que podes fazer para a chamar?

Acho que fazeres mais do que gostas. E perguntar-lhe – pergunta ao teu higher self – o que é que preciso?

Beijinhos,

Lena

P.S.

P.S. Queres ter mais claridade na tua vida? Gostavas de perceber o que te está a impedir de criares a tua vida ideal? Estou a oferecer 4 sessões de coaching totalmente gratuitas, de 30 minutos. O objetivo é ajudar-te a ultrapassar as tuas limitações! É sempre mais fácil para quem está de fora, ver aquilo que nos pára. Para marcares, envia-me uma mensagem para o facebook ou lena@lenapenteado.com. xxx

Free Chapter

Screen shot 2017 02 24 at 22.14.24

Get the free chapter "10 Styling Rules to Create Amazing Outfits", from my style e-book

Powered by ConvertKit
Author

Write A Comment