Estás insatisfeita no trabalho mas não sabes o que fazer diferente?

Não sabes que caminho seguir?

Quando trabalhei como engenheira informática, durante 6 anos a fazer websites, não estava feliz mas também achava que o que queria talvez não fosse para mim. Eu gostava de ter sido arquiteta, era o que queria escolher com 15 anos, mas não tive coragem de andar para a frente e fui atrás da opção “segura”, em que também achava que podia ter mais sucesso, já que eu era tímida e em informática, planeava esconder-me atrás do computador ;)

Mas no meu trabalho, apesar de gostar muito de programar, eu não me sentia feliz e sentia que podia fazer mais e melhor, só não sabia como nem a fazer o quê… E assim fiquei nesta situação 6 anos, sem tomar uma decisão e a aguentar uma situação que não gostava. Mas ao menos tinha o meu ordenado e podia comprar roupa ao fim do mês ;)

Só que o que está mal, não se vai embora sozinho e foi ficando cada vez pior. Nada melhora se nada mudar certo? Só tem tendência a piorar com o tempo, nem que seja pela frustração que sentimos por nos deixarmos ficar na mesma situação.

E a vida ajudou-me e deu-me um empurrãozinho, e eu decidi que ia tentar fazer o q queria!

E tentei várias coisas mas continuava com dúvidas e incertezas. E o que me ajudou realmente foi fazer um processo de coaching individual, em que o meu objetivo era descobrir o meu propósito e em que ao mesmo tempo, estava a aprender uma metodologia de coaching que adoro e vivo todos os dias.

Descobri várias coisas importantes que talvez te ajudem também:

* Descobri que a confusão é normal, e uma defesa do ego para ficarmos onde estamos

* Descobri que tinha um propósito maior e já o estava a viver, o proposito de crescer e tornar-me no meu eu verdadeiro (esse é o nosso propósito também segundo Carl Jung)

* Descobri que o que tinha estado sempre presente na minha vida, ao longo dos altos e baixos e indecisões, era o desenvolvimento pessoal

* Descobri que era mais espiritual do que pensava e que a espiritualidade é o caminho para nos libertarmos do condicionamento do mundo, para sermos realmente livres

* E descobri que o que queria mesmo era ajudar as pessoas a descobrirem o que eu descobri, que me libertou de várias maneiras, para ser quem realmente sou e não ficar presa a uma máscara que escolhi, mas sem consciência disso, para me proteger.

* E finalmente descobri que tinha que tomar decisões, com o meu estado de consciência atual, com aquilo que sei agora, e agir, para poder perceber o meu caminho. Que não decidir é tomar a decisão de ficar onde estou e nada mudar. Que o ego é que quer certezas absolutas mas para começarmos a andar para o que é para nós, vamos agindo e corrigindo, até chegar lá.

Descobri que não há decisões erradas, há o melhor que podemos fazer, a cada momento, e essa decisão vai ser a pedra que usamos para continuar a construir o nosso caminho, porque nos vai dar novas percepções.

Então tudo é um caminho, tudo faz parte, nada é desperdiçado ou em vão.

E o mais importante é agires, andares para a frente, fazer algo diferente!

O que podes fazer diferente hoje, para teres um trabalho que te dá prazer? Para gostares dos teus dias de trabalho, e aproveitares a tua vida ao máximo?

Talvez o teu próximo passo seja ler um livro, aprender um hobbie ou sair do teu emprego e começar algo novo.

Eu não sei, tu tens as respostas para ti!

E se queres agir mas não sabes o teu próximo passo nem tens ideia do que fazer, eu tenho uma nova palestra que estou a preparar que se chama:

5 Passos para Encontrares o teu Propósito e ter mais Prazer e Realização no Trabalho

Vai ser no dia 6 de Junho às 18h30 (tive que adiar ;)). E podes entrar para receber mais informação aqui:

https://forms.gle/SMPkQ12P6QtcT6626

#coachingespiritual #trabalhofeliz #infeliznacarreira #propósitodevida #feliznacarreira #missaodevida #novaprofissao

Encontra o Teu Propósito

Recebe a visualização gratuita e descobre:

o que te está a impedir de encontrares o teu propósito + o que realmente desejas + o teu próximo passo

Powered by ConvertKit

Add A Comment

you MUST enable javascript to be able to comment